• Prêmio de boias práticas 2017
  • Banner Recadastramento do Servidor
  • SIGIP

Evento

12/09/2017 17:50

Festival de Paulo Afonso não registra crimes violentos letais

A delegada coordenadora Mirela Ventura, da 18ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin), de Paulo Afonso, afirmou, nesta terça-feira (12), que não foram registrados Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI), durante a realização da 28ª edição da Copa Vela 2017, o Carnaval fora de época cidade, que ocorreu entre os dias 7 e 10 de setembro.


No circuito noturno, localizado na Avenida Apolônio Sales, foram registradas, nos quatro dias, 52 ocorrências, sendo 29 delas referentes a furtos de celulares. Ocorreram ainda 13 casos de apreensões de pequenas quantidades de drogas e seis furtos. As demais ocorrências se referem a situações como briga, agressão, desobediência e uma apreensão de adolescente. As polícias Civil e Militar fizeram 25 conduções.


Já no circuito diurno, batizado de Prainha, às margens do Rio São Francisco, foram registradas apenas três ocorrências, sendo duas delas por embriaguez e uma referente à direção perigosa. No total, durante os quatro dias da Copa Vela 2017, foram registradas 55 ocorrências nos dois circuitos.


Um ônibus delegacia da Polícia Civil ficou estacionado, durante todo o evento, na Avenida Apolônio Sales, para atender quem necessitasse de algum serviço de polícia judiciária. Quem preferiu o circuito da Prainha e precisou fazer uma queixa procurou a Delegacia Territorial (DT), de Paulo Afonso, que recebeu reforço em todos os plantões.


A festa, que teve apresentações de diversos artistas como Luiz Caldas, Wesley Safadão, Nando Reis, Saulo e Léo Santana, recebeu cerca de 120 mil pessoas, em quatro dias.

Fonte: Ascom/ Polícia Civil

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.